Aula de russo

De SUSANA FUENTES.

O menino na aula já se distrai com outra coisa, Alma Aleksandrovna Pávlova há algum tempo tenta recuperar sua atenção. As letras do alfabeto aparecem coloridas nas páginas sobre a mesa. Na gravura, uma bruxa em sua cabana suspensa sobre um grande pé de galinha. Esta é a Baba Iaga, veja só. E a letra russa correspondente ao som do bê começa a ser pintada de verde. Alma troca com seu novo aluno alguns lápis com a ponta por fazer, o menino quer todos. Ela quer capturar seu interesse para o desenho daquela letra. Assim, mostra-lhe como funciona o lápis-de-cor com efeito de guache: é só umedecer a ponta colorida…

Enquanto explicava, Alma Pávlova achou engraçado que o menino olhasse com tanta atenção para a sua boca, para o lápis na língua em sua ação de espalhar a tinta na folha. Só muito tempo depois… Alma ainda espantada com seu interesse… só muito tempo depois o menino diz: sua língua está verde. Meu Deus! Era preciso ver a expressão no rosto de Alma. Não imaginava que o menino olhava era para outra coisa. Seu olhar admirado não era para o efeito de tinta na ponta do lápis, que Alma Pávlova com empenho cada vez maior, satisfeita com a atenção do seu aluno, lambia cada vez mais. Tome, tome, agora experimente você. E diante de sua indecisão, ela repetia a demonstração, com convicção redobrada.

Sua língua está verde. Alma desabou do alto de seu entusiasmo. Suas bochechas vermelhas davam-lhe um ar esbaforido e sinais de exaltação. Então era a mancha verde na língua, tratava-se da mancha a cada demonstração do lápis. Alma Pávlova não sucumbiu ao desapontamento e logo atribuiu a seu menino, agora já o chamava assim, o seu menino, a curiosidade de um biólogo ou cientista, estes sim precisam estar alertas para a possível explosão entre tubos de ensaio e palhetas. Quando Alma Pávlova buscou um espelho para verificar a mancha, o menino também olhou a própria língua no espelho, feliz porque a dele não, não estava verde, porque, e verificou cuidadosamente, a dele sim, continuava limpa.

.


%d blogueiros gostam disto: